"Convivendo com os Animais e os Micróbios" - Oficina de Teatro

Sempre que uma criança coloca seu talento a serviço do mundo, cresce a esperança de uma vida melhor

Sempre que uma criança coloca seu talento a serviço do mundo, cresce a esperança de uma vida melhor
Sempre que uma criança coloca seu talento a serviço do mundo, cresce a esperança de uma vida melhor.

MICA 23 anos

SELECT YOUR LANGUAGE.






>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> SELECT YOUR LANGUAGE >>>>>>>>>>

Seguidores

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Oficinas de Escultura com a Profa. Herminda Tavela Abrantes

Profa. Herminda e Camila Campanhã

Oficina de Modelagem em Argila









Oficina de Escultura em Concreto Celular

Laion Castro Silva




Mostra de Esculturas em Concreto Celular e Argila.

Projetos "Arte pela Conservação do Mar" e "Arte pelas Tradições do Meu País"

A oficina de modelagem em argila foi realizada com crianças e adolescentes em vários projetos. Os participantes idealizam o que gostariam de fazer. A criação pode ser da imaginação, a partir de uma foto ou baseando-se em uma peça já existente.
A argila precisa ser muito amassada, batida e sovada, como se fosse a massa de fazer pão. Estando essa “massa” compacta e sem bolhas, pode-se começar a modelagem. A modelagem da argila é feita com os dedos. O polegar e o indicador vão dando as formas idealizadas. Também podem ser utilizadas algumas “ferramentas”, como palitos de soverte, pauzinhos de churrasco, pequenas colheres, espátulas, etc... Um truque interessante, que dá um efeito especial, é utilizar o espremedor de alho, que forma tripinhas. Essas tripinhas podem ser utilizadas como cabelos, barbas e o que a imaginação inventar.

Depois da modelagem, o ideal é deixar secar por alguns dias. Quando há a possibilidade de queima em forno especial, é o mais correto. Não dispomos desse recurso. Então, ao estar seca a peça, é lixar e pintar. A pintura foi feita com purpurina diluída em goma-laca ou com guache.
A oficina de escultura em concreto celular já é mais recomendada para os adolescentes. Também partimos de modelos da imaginação, de fotos ou peças já existentes. A ideia é colocada no papel e depois desenhada nas várias faces do bloco. Com uma faquinha sem ponta, o adolescente vai lapidando o bloco até conseguir a peça idealizada. A lixa também pode ser usada para conseguir formas mais determinadas. Este trabalho deve ser realizado em local bem ventilado. Caso contrário, melhor usar máscara.


A escultura é uma arte fascinante. É emocionante modelar ou esculpir e ver as formas tridimensionais surgirem, através de nossas mãos.


Um comentário:

  1. Que lindas esculturas! Parabéns aos artistas e aos incentivadores da arte.

    abraços

    ResponderExcluir